latinitates

ESTUDOS CLÁSSICOS E HUMANÍSTICOS

Nosso Acervo

O livre arbítrio nas confissões do livro IV de Santo Agostinho: pelas estradas do erro
Categoria:
Artigo em Anais de Evento
{{variant.name}}:
{{opt.name}}
{{opt.value ? '' : opt.name}}
{{opt.value ? '' : opt.name}}
Descrição

Este artigo apresenta a concepção de livre-arbítrio segundo Santo Agostinho, a fim de verificar a origem do pecado e sua relação com as escolhas humanas. A pesquisa bibliográfica elucida a busca humana pela liberdade e de que maneira a questão “vontade” deve ser considerada e relativizada. Diante desses postulados, Agostinho infere que o livre-arbítrio é um bem dado por Deus, cujo seu bom ou mau uso depende da ação humana.
Palavras-chave: Livre-Arbítrio; Liberdade; Vontade; Pecado; Santo Agostinho.

 

Autora: Sanny Kellen Anjos Cavalcante Canuto

Lívia Maria da Silva

© Reservado a reprodução para fins não comerciais

Tem interesse em comprar uma das publicações? talvez seja possível,

entre em contato conosco.