latinitates.com

ESTUDOS SOBRE A MUHURAIDA E SUAS RAÍZES CLÁSSICAS

Maria de Nazaré Carvalho da Silva

(Bolsista)

(ver currículo Lattes)

★★

Projeto 25900 - SISPROJ-UEA                 Tipo: PAIC - programa de apoio à iniciação científica
vigência 01/08/2014 - 31/07/2015         Financiamento: FAPEAM

 

  
RESUMO
Através  da temática indianista, pré-indianista, temas da recepção clássica e o fator antiépico virgiliano, este projeto visava pesquisar e descrever como estes fatores surgem na Muhuraida, buscando com isso enaltecer as raízes épicas deste poema procurando justificativas a sua possível adesão ao cânone literário nacional, formando assim, uma trilogia pré-indianista, ao lado dos seus contemporâneos Caramuru e O Uraguai. O estudo das justificativas, entretanto, acontece numa segunda etapa após a investigação das raízes clássicas do poema, e em um outro projeto de IC sequente intitulado Estudos Sobre a Muhuraida e suas matrizes árcades. A obra de Wilkens é uma importante obra de reflexão filosófica e literária da mentalidade colonialista de Portugal na bacia amazônica, numa época em que a colonização da costa atlântica já estava estabelecida. O poema, portanto, possui as características e finalidades de La Araucana e de De Gestis Mendi de Saa e  tem como fundamento a própria Eneida de Virgílio, uma vez que o poema latino fundou a sua poética na vitória dos troianos sem pátria sobre os povos vencidos do Lácio.

 

 

RESULTADOS ALCANÇADOS

 

um resumo expandido em Anais de Evento e um capítulo de livro:
Resumo simples em Caderno de Resumos*
 
 
APRESENTAÇÕES EM EVENTOS
  • Exposição da pesquisa na mesa redonda Os Estudos Clássicos em Parintins na II Jornada de Estudos Clássicos e Humanísticos de Parintins, em 31 de Março de 2018;
  • Estudos sobre a Muhuraida e suas raízes clássicas (XXV Congresso Internacional da ABRAPLIP, Novembro de 2015;
  • Relato de Experiência na VIII Semana de Letras, no CESP-UEA, em Maio de 2015.